DatabaseCast 77: Educação continuada

VitrineDatabaseCast77Olá, pessoal! Neste episódio, Mauro Pichiliani (Twitter | Blog), Wagner Crivelini (@wcrivelini) e os convidados Fábio Telles (@telles) e Talita Pagani (@talitapagani) entram na sala de aula para falar sobre educação continuada. Confira neste episódio porquê a educação na área é tão importante, como se manter atualizado, a diferença entre um professor e um mentor, as recomendações de estudos e como não usar a Wikipedia para fazer um trabalho.

Livro do banco de dados NoSQL MongoDB escrito pelo Mauro Pichiliani!

CAPA_REDUZIDACompre aqui a versão digital (EPUB) na Amazon. No Clube de Autores temos também a versão digital e impressa.

 



Não deixe de nos incentivar digitando o seu comentário no final deste artigo, mandando um e-mail para  databasecast@gmail.com, seguindo o nosso twitter @databasecast, vendo informações de bastidores e as músicas do programa no nosso Tumblr e curtindo a nossa página no Facebook e no Google+ e assistindo aos nossos episódios no YouTube. Acesse o feed RSS do DatabaseCast neste link.

 

Loja do DatabaseCast no Zazzle

Compre a caneca Datas SQL com a sintaxe para manipulação de datas no Oracle, SQL Server, MySQL e PostgreSQL! Você também pode comprar a camiseta com estampa fractal Fluxo Matrix e Sonho Fractal diretamente neste link.

feed-rss1Veja no gráfico abaixo a duração e os tempos aproximados de início e fim de cada bloco:

GraficoTamanhoEp77Veja na tag cloud abaixo a contagem das palavras mais usadas nos e-mails, comentários e tweets do episódio anterior:

TagCloudEp77

Play
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

9 respostas a DatabaseCast 77: Educação continuada

  1. wCrivelini disse:

    Astrondosa? Eu falei AS+TRONDOSA?
    Pela mãe do guarda
    Deve ser a mistura de estrondosa com assombrosa….
    Deve ser a língua enferrujada q causou uma gafe dessas kkkkkkkkkkkkkkk

  2. Esse episódio foi magnífico, mais que o tema da educação e da forma como deve ser encarada como uma constante, apreciei demais o lado humano citado.
    A citação do Fábio sobre o trabalho voluntário com educação de adultos confesso que encheu meus olhos de lágrimas.
    O incentivo do Mauro ao aluno que queria mudar de ramo relembrou um pouco minha trajetória.
    O Wagner citando o aluno mais velho que se destacou, me lembrou com muito carinho de um professor especialíssimo que tive e a qual respeito imensamente.
    A Talita deu duas situações opostas sobre o professor, uma em que ela corrigiu e foi criticada, e outra em que ela prefiriu ignorar o que ele dizia em silêncio, isso mostra a perda da informação preciosa por arrogância, e a falta de humildade que vocês sempre salientam em seus casts.
    Nitidamente a interação interdisciplinares são fundamentais e ricamente exemplificadas.

    Para ilustrar repito a frase do Alessandro de Oliveira Faria: “Colaborar atrai amigos, competir atrai inimigos …”

    Esses casts são um exemplo claro de colaboração.

    Parabéns a todos pelo episódio

  3. claudemar disse:

    Estava com saudades de ver novidades no Databasecast, que bom que retornaram;

  4. londonms disse:

    Tem muitos bancos de dados que que não foram passados no databasecast e que seriam muito em ser detalhados, será que um dia teremos um episódio sobre os bancos de dados como DB2, Informix, Access, Firebird, Interbase, e banco de dados que rodam em Mainframe como DB2, Adabas.

    Onde trabalho tem uma variedades de bancos, de mainframe a bancos relacionais dos mais diversos;

  5. Sidney Oliveira Cirqueira disse:

    Boa noite Pessoal!

    Sempre reservo um tempinho para ouvir os podcasts aqui do blog. (Ouço no carro, no celular, na hora do trabalho, na rua passeando, em qualquer lugar.. rs)
    Primeiramente parabéns pela iniciativa.
    Costumo sempre me ver em várias situações que vocês abordam no dia a dia, esse database cast de hoje superou minhas expectativas. MUITO TOP.
    Sou fã de vocês.

  6. Daniel Braga disse:

    Obrigado por um excelente episódio!
    Gostei muito das dicas de todos, principalmente sobre não se afobar e traçar um plano de evolução mais focado. Foi muito bom também, para fazer uma reflexão, pois em um mundo tão maluco, que tudo muda toda hora, as vezes nos sentimos um pouco burros, e esquecemos o quanto lutamos para estar onde estamos (Obrigado Fabio Teles pelo relato da Canção do Sal), mas… não podemos nos acomodar, não é?!
    bom.. ótimo ter vocês novamente nos ouvidos… forte abraço a todos.

  7. Daniel Braga disse:

    Astronomicamente assombrosa!!! huahauahua… foi só um concat Wagner!

  8. Esse foi o 3º database cast em que eu participei e sem dúvida o mais divertido até agora. Eu vejo o quanto dá trabalho editar todo o material, pois lembro de quantas bobagens a gente fala na hora de gravar. Vocês fazem um trabalho fantástico para todos, espero que continuem em frente.

    Um grande abraço para todos!

  9. Dirlei F. Lopes da Silva disse:

    Que bom que vocês voltaram!
    Trabalhar com TI, as vezes parece vício, as vezes parece brincadeira, já que queremos sempre mais e me diverto muito! Mesmo depois de algum stress para solucionar um problema. Todo o dia temos que aprender, mesmo naquilo que achamos que já sabemos tudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *